Formação dos Espermatozóides

 

 

Os espermatozóides são produzidos continuamente nos testículos do homem durante toda a sua vida, mas levam sete semanas para amadurecer antes da ejaculação.  A sua quantidade e qualidade começam a diminuir depois dos 40 anos.  Os espermatozóides têm forma de girinos e medem cerca de 0,2 mm, muito menos do que os óvulos, que têm mais ou menos o tamanho do ponto final desta frase.   O espermatozóide possui uma cabeça onde esta localizado o material genético e uma cauda que facilita a sua locomoção. 

O processo de produção dos espermatozóides nos testículos masculinos é conhecido como espermatogênese e se inicia nos Túbulos Seminíferos.   Ele é contínuo e demora cerca de sete semanas, desde a geração inicial de um espermatozóide até seu amadurecimento e ejaculação.  As figuras ao lado mostra toda o processo da espermatogênese. 

Todas as células contêm 46 cromossomos, com excessão a essa regra do espermatozóide e o óvulo que têm 23 cromossomos.

Após produzido nos túbulos seminíferos os espermatozóides percorre um duro caminho até chegar na vagina através da ejaculação.   Este percurso inclui o Epididimo que são canais que saem dos testículos e que medem cerca de 8 a 10 m se forem estirados.   Esse percurso pelo epididimo dura cerca de 2 a 4 dias onde o espermatozóide vai amadurecendo e adquire sua melhor capacidade de movimentação.  Antes de ser ejaculado na vagina o espermatozóide é misturado   com o líquido seminal produzido 70% pela vesícula seminal, 20% pela prostata e 10% pelos fluidos provevenientes do testículo e do epididimo.  A quantidade de sêmen ejaculado é de aproximadamente o equivalente a uma colher de sobremesa e 2% do sêmen ejaculado é constituído de espermatozóides e 98% de líquido seminal

Siga ....

Formação dos Espermatozóides nos Túbulos Seminiferos

anatomia.gif (9729 bytes)

 

 

erperma1.gif (19432 bytes)

Primeira Fase: Mitose

 

 

erperma2.gif (19379 bytes)

Formação das Espermatogonias